All you have

 

Autor: Rodrigo Sousa

 

Can't you see,

my eyes are here for you,

my heart has turned in two.

If you don't believe,

at least look at my tears,

it's the last time on my knees.

 

Don't push me back,don't pull me away,

I want to see you entirely

Don't push me back,don't pull me away,

you can hear, so listen to it

Don't push me back,don't pull me away, away, away...

 

Give all you have,

your coldness above the fire,

your true love and desire.

And in the final step,

please avoid you know,

believe just in your soul

 

Don't push me back,don't pull me away,

I want to see you entirely.

Don't push me back,don't pull me away,

you can hear, so listen to it

Don't push me back,don't pull me away, away, away...

Histórico:

 

"Ele tá falando sério?". A conversa começou assim mesmo... Para mim era surreal demais. Não sei. Sabe "meio longe". E foi assim. Bum!

 

Eu tinha assistido um ensaio da ótima banda "The Devs", onde minha grande amiga Leila Nunes cantava e tocava baixo. Após o ensaio, humildemente, comentei com ela e com o excelente Léo Barcelos, que o som deles era ótimo - ou, como eu gosto de falar: "redondo" - e perguntei porque eles não faziam músicas autorais também. Foi grande a minha surpresa quando eles me disseram que simplesmente não tinham explorado essa vertente. E perguntaram se eu não podia compôr uma música. Achei que era era piada e deixei de lado.

 

Dias depois, falando com a Leila ela me diz que a proposta foi real - daí a frase "Ele tá falando sério?" - e resolvi aceitar a brincadeira.

 

O resultado foram essa e a outra música em inglês (No one way). A banda ainda não teve tempo de testá-la. Deixo então para o ouvido de todos.

 

RS